Home / Notícias / Festival disponibiliza filmes franceses online e de graça
MyFrenchFilmFestival
MyFrenchFilmFestival

Festival disponibiliza filmes franceses online e de graça

Da redação

Boa notícia para os amantes do cinema francês e também para aqueles que desejam conhecer um pouco mais sobre as produções francesas, o MyFrenchFilmFestival chega a sua 6ª edição e disponibiliza online até o dia 18 de fevereiro 26 filmes franceses recentes, incluindo documentários. Para ter acesso a todo o conteúdo, que é gratuito e legendado em português, basta realizar a inscrição na plataforma virtual do festival. Além dos filmes, o MyFrenchFilm sorteará uma viagem com acompanhante para Paris.

MyFrenchFilmFestivalAlém de assistir às produções, os usuários são convidados a votar nos seus preferidos para conceder o Prêmio Lacoste do Público. No total, dez longas-metragens e dez curtas-metragens concorrem no circuito competitivo que tem, além do prêmio popular, o Prêmio Chopard dos Cineastas e o Prêmio da Imprensa Internacional.

As obras são dividas por segmentos, como Comédia Parisiense, Cena do Crime e Beijo Francês, além de animações e um segmento especialmente dedicado ao trabalho de diretoras francesas, o Women’s Tales. Há ainda a presença de duas produções belgas (que competem no circuito) e duas franco-canadenses.

Um dos destaques vai para longas da Beijo Francês como Castelos de Areia, de Olivier Jahan, que narra a história de Éléonore, uma jovem que acaba de herdar uma casa na Bretanha e decide levar o ex-namorado junto para conhecer o local. Tudo se torna estranho, porém, quando a agente imobiliária, Claire, se programa para organizar visitas constantes durante os dias em que o casal permanecer na casa, provocando situações cômicas e inesperadas.

Alice Dourad traz frescor à Women’s Tale com o seu As Meninas, que narra o verão de Charlotte, uma garota que concilia o trabalho em um pedágio e o time de futebol amador organizado por sua irmã, Nath, no qual joga. O longa faz companhia a O Verão de Sarah, de Emma Benestan, que usa a estação para contar a história de Sarah, uma garota de 16 anos e que vende rosquinhas com o pai na praia. Ela segue nessa rotina até que conhece Baptiste e tudo muda.

Vale lembrar que a visualização dos filmes  é compatível também com tablets e celulares e que, para quem quiser, ainda há opções de legendas em espanhol, italiano, japonês, polonês, russo e alemão na maioria dos filmes.

Sobre Sttela

Sttela, 22 anos e jornalista. Comecei a gostar de cinema ainda criança, quando ia com o meu avô nas sessões à tarde. Fã de romances com velhinhos, filmes sobre gastronomia e Charles Chaplin.
Comentários