Home / Notícias / O Homem das Mutidões é premiado nos festivais de Guadalajara e Toulouse
Cinemascope-o-homem-das-multidões (2)

O Homem das Mutidões é premiado nos festivais de Guadalajara e Toulouse

Da Redação

O longa brasileiro O Homem das Multidões é uma parceria do mineiro Cao Guimarães com o pernambucano Marcelo Gomes, foi premiado em importantes festivais  no México e na França. No 26º Festival de Cinema Latino-Americano de Toulouse, na França, o filme ganhou o grande prêmio do evento, já no no Festival de Guadalajara, o filme recebeu o prêmio especial do júri e o de melhor fotografia para Ivo Lopes Araújo, que assina também a fotografia de Tatuagem.

O filme foi todo realizado em locações no centro de Belo Horizonte, Minas Gerais. Esse é o oitavo longa assinado por Cao Guimarães e o quarto do Marcelo Gomes. O filme levou quase sete anos de trabalho e premiou os diretores com Redentor de Melhor Direção, na Première Brasil, do Festival do Rio 2013.

O Homem das Multidões tem sua história livremente inspirada no conto The man of the crowd, do escritor norte-americano Edgar Allan Poe e conta a história de Juvenal, um maquinista de metrô em Belo Horizonte, e Margô, que controla o fluxo dos trens. Ambos vivem em um estado de profunda solidão – cada um à sua maneira. O filme é uma reflexão sobre diferentes formas de solidão e amizade no universo urbano brasileiro.

O filme estreia nos cinemas brasileiro em julho.

Sobre Fernanda

Psicóloga, fotógrafa, paulistana, fã dos clássicos, suspense e animação, tem como ídolos os diretores Alfred Hitchcok e Tim Burton.
Comentários