Home / Notícias / Verão de clássicos na Cinemateca Brasileira, veja a programação
Cinemascope - Verão de clássicos na Cinemateca

Verão de clássicos na Cinemateca Brasileira, veja a programação

Da redação

A Cinemateca Brasileira inicia sua programação 2015 com uma nova edição do Verão de Clássicos, oportunidade única para o público conferir uma variada seleção de filmes clássicos e cults das mais diversas épocas, países e gêneros. As exibições serão sempre em película 35mm com título pertencentes ao acervo de difusão da Cinemateca e de parceiros da instituição.

Cinemascope - Django mata em silêncioEntre os destaques, estão filmes como Mamma Roma, de Pier Paolo Pasolini, que conta com antológica interpretação de Anna Magnani no papel central, A Noite, de Michelangelo Antonioni, e o excelente trio Marcello Mastroianni, Jeanne Moreau e Monica Vitti, Morangos Silvestres, de Ingmar Bergman, e Suspeita, clássico do início da fase americana de Alfred Hitchcock e início de sua parceria com Cary Grant. Raridades do cinema italiano, como Django mata em silêncio ou E o chamavam matador, de Massimo Pupillo, western spaghetti com o personagem Django, seguinte ao clássico de Sergio Corbucci, e Dois fugitivos de Sing-Sing, comédia dirigida por um dos mestres do terror, Lucio Fulci, com a popular dupla Franco e Ciccio.

A seleção se completa com a exibição de filmes marcantes da década de 1990, como Amateur, encontro de um dos mestres do cinema independente americano Hal Hartley com a atriz francesa Isabelle Huppert, Aprile, um dos grandes filmes de Nanni Moretti, Amores expressos, um dos primeiros sucessos de Wong Kar-Wai no Brasil, a excelente comédia drag queen Priscilla, a rainha do deserto, de Stephan Elliott e Ondas do destino, de Lars Von Trier com as brilhantes atuações de Emily Watson e Katrin Cartlidge.

Com a colaboração da Fundação Japão e do Consulado Geral do Japão, serão exibidas obras-primas do cinema japonês: Fim de verão, penúltimo filme de Yasujiro Ozu, Vida de casado, uma das obras-primas de Mikio Naruse, o fundamental Desejo profano, de Shôhei Imamura, o road movie Família, de um dos mestres do melodrama, Yôji Yamada, e Verão feliz, uma comédia de toques melancólicos de Takeshi Kitano.

Devido a diversidade da coleção que compõem a programação, muitos filmes serão exibidos em cópias que carregam algumas marcas da ação do tempo. A programação segue até o fim do verão, em março, e todas as sessões têm entrada franca.

PROGRAMAÇÃO – PRIMEIRA PARTE (22/01 a 01/02)

QUINTA 22/01
SALA BNDES
19h00 FAMÍLIA
21h00 DJANGO MATA EM SILÊNCIO/E O CHAMAVAM MATADOR
SALA PETROBRAS
20hh00 MORANGOS SILVESTRES

SEXTA 23/01
SALA BNDES
19h00 FIM DE VERÃO
21h00 DOIS FUGITIVOS DE SING SING

SÁBADO 24/01
SALA BNDES
18h00 AMATEUR
20h00 PRISCILLA – A RAINHA DO DESERTO
SALA PETROBRAS
17h00 VERÃO FELIZ
19h00 APRILE

DOMINGO 25/01
SALA BNDES
17h00 VIDA DE CASADO
19h00 A NOITE
SALA PETROBRAS
18h00 ONDAS DO DESTINO

QUINTA 29/01
SALA BNDES
19h00 APRILE
21h00 MAMMA ROMA

SEXTA 30/01
SALA BNDES
19h00 DESEJO PROFANO
SALA PETROBRAS
20h00 VERÃO FELIZ

SÁBADO 31/01
SALA BNDES
18h00 FIM DE VERÃO
20h00 AMORES EXPRESSOS
SALA PETROBRAS
17h00 SUSPEITA
19h00 A NOITE

DOMINGO 01/02
SALA BNDES
17h00 VIDA DE CASADO
19h00 MORANGOS SILVESTRES
SALA PETROBRAS
18h DJANGO MATA EM SILÊNCIO/E O CHAMAVAM MATADOR

 

Sobre Joyce

Fundadora e editora do Cinemascope, jornalista, paulistana, fotógrafa, apaixonada por David Lynch, Pedro Almodóvar, Marilyn Monroe e café.
Comentários