Home / CineMundi / Índia / Yeh Jawaani Hai Deewani
Yeh-Jawaani-Hai-Deewani

Yeh Jawaani Hai Deewani

Por Marília Bacci

Voltei!! Depois de um breve hiato forçado (culpem o sistema capitalista… rs). Hoje venho falar do filme Yeh Jawaani Hai Deewani, de 2013, com Ranbir Kapoor e Deepika Padukone como os personagens principais, Bunny e Naina.

A história começa com o reencontro de Naina e Aditi (interpretada pela sempre boa Kalki Koechlin), depois de anos em que estudaram juntas no colégio. Aditi era popular e rebelde, bem diferente de Naina, tímida e reservada, mas quando a reconhece a cumprimenta e conversa vai, conversa vem, diz que vai viajar com outros dois amigos da época, Bunny e Avi (Aditya Roy Kapur).

Naina estuda medicina e leva uma vida pacata com os pais, mas vê nessa viagem uma oportunidade de fazer alguma coisa interessante e descontraída (e amigos, talvez, porque né…). Ela então deixa um bilhete para os pais e corre pegar o trem com a excursão que leva a todos (mas os livros de medicina vão junto na bagagem, afinal ela não é tão “cool” assim).

No começo ela se sente deslocada do resto do grupo e passa seu tempo estudando, mas acaba por se enturmar com os velhos colegas. Várias coisas acontecem no decorrer dessa viagem, como uma fuga dos quatro amigos pelas ladeiras de uma cidadezinha no Himalaia; constatamos o caso clássico de “os brutos também amam”, com Aditi extremamente apaixonada por Avi, seu melhor amigo, mas sempre disfarçando; e é claro, o começo da história de amor do nosso casal principal. #agoravai

Acabada a viagem cada um segue seu caminho: Naina se forma; Bunny vai fazer o que nasceu para fazer, viajar o mundo (mas trabalhando hein, não pense você que ele simplesmente foi a lazer #workhard); e reencontramos Aditi quando ela envia o convite do seu casamento aos outros três amigos.

Todos ficam muitos animados com a reunião dos quatro novamente, mas estão quase certos de que Bunny não irá, pois ele não voltou à Índia nem quando seu pai faleceu.

No jantar de ensaio do casamento, Naina, Aditi e Avi se surpreendem com a entrada de Bunny. Não preciso nem falar que os coraçõezinhos do casal protagonista ficam palpitando de alegria quando um vê o outro né? Mas então, Bunny não quer casar e ele acaba de receber uma proposta para o emprego dos sonhos dele (ser apresentador de um programa de viagens). E mais uma vez nós vemos ele maltratar nossa linda Naina.

O casamento de Aditi acontece, e ela sai em lua de mel com seu marido engenheiro. Na noite de Ano Novo todos os amigos se ligam, e a campainha de Naina toca, quando ela abre a porta… Isso, é isso mesmo que você está imaginando. Mas eu não posso falar porque eu não vou contar o fim do filme né!!

O filme é bem Bollywood, com as histórias de amor, as canções, o drama… É o chamado “masala movie”. Masala é um mix de temperos usado na culinária, e que eles colocam em tudo, por isso o termo é empregado em filmes que possuem gêneros diferentes na mesma trama.

A trilha sonora é uma das melhores que eu escutei nesse ano de 2013, junto com a trilha de Raanjhanaa. As ótimas Balam Pichkari (clica pra assistir!) e Dilli Wali Girlfriend deixam qualquer um querendo dançar ao melhor estilo bhangra (aquele que mexe o ombrinho!). E ainda temos a participação da DIVA Madhuri Dixit (guardem esse nome) no clipe de Ghagra.

Bom, eu vou ficando por aqui porque o texto já está grande (pra compensar o tempo que fiquei sem escrever), e aguardem uma biografia no próximo post. Até mais!!

Sobre Marília

Brasileira, com uma pitada de curry indiano. Fotógrafa; cinéfila, com preferências; feminista; amante de comida, e de Shahid Kapoor e Madhuri Dixit.
Comentários