Home / Colunas / Oompa-Loompa / The Saint of Dry Creek
The Saint of Dry Creek

The Saint of Dry Creek

Por Lívia Fioretti

Dirigido por Julie Zammarchi, The Saint of Dry Creek foi apresentado no Festival Sundance de Cinema desse ano, onde está se mostrando uma revelação – mesmo com apenas 4 minutos de duração.

O filme conta a história de Patrick Haggerty, um filho de fazendeiros que cresceu na década de 1950 na pequena cidade interiorana de Dry Creek, nos Estados Unidos. Quando adolescente, o rapaz percebeu que era gay e acreditava que estava fazendo um bom trabalho escondendo-se do mundo – até receber um (surpreendente) conselho sobre identidade.

Criado a partir de um áudio do site StoryCorps – um renomado projeto onde usuários submetem histórias contadas – esse curto curta transmite humanidade de uma forma chocante e impressiona pela simplicidade, sem pecar pelo excesso da mesma.

O filme pode ser conferido no YouTube, com a opção de legendas em inglês e espanhol.

Sobre Lívia

Publicitária paulistana que largou tudo e está tentando escrever o roteiro da sua vida em Barcelona
Comentários