Home / Notícias / Filmcup abre inscrições para coproduções audiovisuais Brasil & Itália
Cinemascope - Coprodução Brasil Itália - Diretor Andre Ristum  e atriz italiana Anita Caprioli

Filmcup abre inscrições para coproduções audiovisuais Brasil & Itália

Da redação

Estão abertas até 19/09 as inscrições para a 3a edição do FilmCup – maior evento de coproduções entre dois países –  que este ano  convida a Itália para promover cooperações e parcerias internacional com o país trazendo ao Brasil as principais instituições italianas de financiamento e representatividades ligadas ao audiovisual. O FilmCup é um fórum de coprodução e um market conference.

Podem participar do encontro produtores e realizadores e toda a cadeia produtiva do audiovisual e para a parte de pitching, podem ser inscritos projetos de cinema e de televisão de quaisquer gêneros (ficção, documentário, animação), incluindo aqueles que prevejam expansão para outras plataformas e outros conteúdos.

Produtores com projetos que possuem potencial para uma coprodução internacional com a Itália devem fazer as inscrições gratuitas através do site www.filmcup.net.

Um comitê de seleção, formado por 6 profissionais do audiovisual indicados por 6 instituições apoiadores do encontro nos dois países selecionará 11 projetos brasileiros (a princípio 6 de cinema e 5 de televisão) e 11 italianos para participarem de pitchings e reuniões de negócios com possíveis parceiros.

Além da oportunidade oferecida aos projetos selecionados, o encontro será uma oportunidade única de entender profundamente sobre o mercado italiano, seus principais agentes, players, instituições e oportunidades de financiamentos atuais, assim como workshops com diretores e autores. A divulgação dos projetos selecionados será feita no início de Outubro.

Serviço:

INSCRIÇÕES PARA O FILMCUP 2014 – BRASIL & ITÁLIA

De 22 de Agosto a 19 de Setembro

No site: www.filmcup.net

Sobre Joyce

Fundadora e editora do Cinemascope, jornalista, paulistana, fotógrafa, apaixonada por David Lynch, Pedro Almodóvar, Marilyn Monroe e café.
Comentários