Autor: Eduardo Ferrarini

Sobre

Eduardo Ferrarini

Formado em Cinema e um amante dessa arte. Aspirante a cineasta. Apreciador de música, livros, séries, pinturas, video-games, quadrinhos, da vida e das pessoas que a cercam.

Graças a Deus

Versatilidade é uma qualidade que admiro muito em cineastas. Ver um mesmo olhar direcionado para histórias, personagens e gêneros completamente diferentes é uma tarefa árdua e exige uma reinvenção do autor na hora de criar suas narrativas. Um desses cineastas é o francês François Ozon. Basta observar seus três últimos filmes: um se trata de um drama histórico em preto e branco com toques melodramáticos (Frantz, 2016); outro é um thriller erótico kitsch divertidíssimo e assumidamente absurdo (O Amante Duplo,2017) e, por último, Graças a Deus,  drama baseado em fatos reais sobre três homens que foram abusados sexualmente quando menores por um...

Ler Mais

Kinoplex inaugura seu primeiro complexo 100% VIP em São Paulo

Nesta quinta-feira, dia 4, o Kinoplex inaugurou seu complexo no Shopping Parque da Cidade, na capital de São Paulo. Tendo 100 anos de história como grande exibidor nacional, o Kinoplex oferece nesse novo complexo não apenas um cardápio gourmet e diferenciado, que conta com pipocas com variados tipos de azeites e milk-shakes, como também um bar exclusivo. Contando com um balcão, o bar terá drinks com nomes inspirados em grandes sucessos do cinema. No total, o Kinoplex Parque da Cidade terá capacidade para mais de 570 lugares, com poltronas reclináveis e apoio aos pés e telas de cinemas enormes....

Ler Mais

Fora de Série

O sub-gênero coming of age está bem distante de ser novo. Há tempos se produzem obras concentradas na passagem da adolescência para a vida adulta. Desde obras mais introspectivas e sérias (como o caso recente de Lady Bird ou mais antigo como Clube dos Cinco) até as mais irreverentes e debochadas (como Curtindo a Vida Adoidado), que é onde se encaixa Fora de Série, essa sensacional comédia Primeiro longa-metragem dirigido por Olivia Wilde (sim, a atriz) e roteirizado por quatro mulheres, isso diz muito sobre a perspectiva que o filme assume. Se trata de uma comédia adolescente que fala de receios...

Ler Mais

Rocketman

A infância ou começo difícil e humilde. A descoberta do talento sobrenatural. A ascensão. A queda. O retorno. Tal estrutura é bem familiar já que é a medula narrativa da grande maioria das cinebiografias de músicos e astros do rock. E a prova de que tal fórmula tem se tornado saturada é conferir o medíocre Bohemian Rhapsody e a forma simplória que desenvolve a história de Freddie Mercury. Portanto, apesar de Rocketman retratar essa mesma trajetória de um músico inquestionavelmente talentoso, o diretor Dexter Fletcher (responsável por finalizar Bohemian Rhapsody depois da saída de Bryan Singer) consegue dar graça e charme ao escapar de uma abordagem realista e explorar o...

Ler Mais