Autor: Felippe Gofferman

Sobre

Felippe Gofferman

Aspirante a Diretor, roteirista e eterno estudante de cinema, é amante da sala escura e tem o Maracanã como uma segunda casa. Tiete de Woody Allen, Kurosawa, Scorsese e Chan-Wook Park, mantém uma eterna dívida com Walter Salles por ter sido apresentado à música de Jorge Drexler através de “Diários de Motocicleta” (2004).

Lee Chang-dong: política, poesia e dor

Por Felippe Gofferman Poucos diretores podem dizer que marcaram o cinema de seu país tanto na esfera artística quanto na política. Lee Chang-Dong não é apenas uma referência do cinema de autor da Coréia do Sul, o diretor e roteirista teve papel fundamental na consolidação da indústria cinematográfica do país como uma potência mundial. Nascido em Daegu, uma importante cidade industrial da Coréia do Sul, Lee se formou em literatura na Kyungpook National University, um ponto de encontro entre a ciência e a arte. A influência da universidade e seu interesse pela cultura da escrita coreana, logo o levaram a...

Ler Mais