Autor: Thaís Lourenço

Sobre

Thaís Lourenço

Historiadora e capricorniana. Acredita que o cinema é uma cápsula do tempo-espaço através da qual exercitamos a imaginação e empatia. Ama os efeitos de Méliès, as cores de Almodóvar (e Wes), as viagens de Miyazaki e as brisas surrealistas.

Moda-arte-cinema no Feed Dog Brasil 2017

mo·da |ó| substantivo feminino 1. Uso passageiro que regula, de acordo com o gosto do momento, a forma de viver, de se vestir, etc. 2. Maneira de vestir. “moda”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa https://www.priberam.pt/dlpo/moda [consultado em 21-09-2017]. A moda-arte Pense no que você está vestindo hoje, em todas as escolhas de estilo que fez antes de finalmente decidir por esse look que está agora. Tudo o que você escolheu usar é fruto de séculos de história e de revoluções culturais, ainda que você não tenha levado muito tempo para se decidir e diga: “peguei a primeira coisa...

Ler Mais

Atômica

Por Thaís Lourenço Com o final da Segunda Guerra Mundial, em 1945, o mundo se polarizou entre duas correntes político-ideológicas: o capitalismo e o socialismo. O capitalismo, representado pela potência em ascensão que eram os Estados Unidos, e o socialismo, representado pela União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, a URSS. A disputa por poder e hegemonia política e econômica levou essas duas potências à uma série de conflitos indiretos, num período que ficou conhecido como Guerra Fria. Esses conflitos consistiam basicamente em uma constante corrida de tecnologias, notadamente a corrida espacial, que levou o primeiro homem – dizem – à...

Ler Mais

Amor, Paris e Cinema

Por Thaís Lourenço [Esse texto contém spoilers] Apresentado no Cinema Reserva Cultural em virtude do aniversário da Queda da Bastilha dia 14 de julho, Amor, Paris e Cinema, em francês Arnaud fait son 2ème film, é literalmente como ressaltado no título original: o segundo filme do diretor e versa sobre a sua própria vida. Ele (que também é o ator principal do filme) mostra o momento difícil em que se encontra: o de tentar formar uma família aos 40 e tantos anos, escrever um segundo filme de sucesso e ter dinheiro para quitar dívidas. O filme é dividido em...

Ler Mais

Corpo Elétrico

Por Thais Lourenço   (…) Já apreciaram alguma vez o Corpo da mulher ? Já apreciaram alguma vez o Corpo do homem ? Não vêem que são exatamente os mesmos, em todas as nações e tempos, em qualquer parte da terra ? Se algo é sagrado, o corpo humano é sagrado (…) (“Eu canto o corpo elétrico”, Walt Whitman (1855/1881) – Tradução de Ivo Barroso) Esse trecho foi retirado do poema que serviu de inspiração ao diretor Marcelo Caetano para a realização do seu primeiro longa: Corpo Elétrico. O filme foi o escolhido para abrir o 12º Festival de...

Ler Mais

Um Instante de Amor

Por Thaís Lourenço Marion Cottilard vive Gabrielle neste longa dirigido por Nicole Garcia e baseado no best-seller “Um Instante de Amor” (Mal di Pietre), de Milena Agus. A narrativa tem como locação a região de Provença no período do pós-guerra (meados de 1950) e nos mostra a história de Gabrielle, que no auge da sua vida adulta é apaixonada, intensa e convive com uma sexualidade aflorada, motivo pelo qual será obrigada por sua mãe a casar-se com José, trabalhador da fazenda de lavanda de sua família. A personagem sofre de cálculo renal, doença que o título original empresta (Mal...

Ler Mais
  • 1
  • 2