Autor: Cicero Pedro Leão

Sobre

Cicero Pedro Leão

Jornalista apaixonado por cinema, literatura, música e quadrinhos. Pesquiso a obra de Jean Renoir na UFMG. Descobri minhas paixões ouvindo os Rolling Stones, lendo Roberto Piva e assistindo a Anecy Rocha em "A Lira do Delírio".

A Vida Invisível

A Vida Invisível, de Karim Aïnouz, que foi eleito o representante brasileiro para concorrer a uma vaga no Oscar 2020, depois de uma disputa com Bacurau, de Kléber Mendonça Filho, parte de uma estrutura melodramática, mas não define as duas protagonistas pelos seus antagonistas. É muito claro quem deve ser odiado e criticado – o pai e o marido, principalmente -, mas estas figuras não tomam a dianteira. O foco é sempre direcionado para as dores, felicidades e descobertas das irmãs Guida e Eurídice; o foco é o esforço da proximidade entre duas pessoas que foram distanciadas. As forças...

Ler Mais

Requadro: um filme e um quadrinho sobre o Japão pós Segunda Guerra Mundial

O termo “cinematográfico” geralmente é usado para descrever as obras do cineasta Akira Kurosawa e o mangaká Osamu Tezuka, devido ao estilo dinâmico e envolvente dos autores. Nos quadrinhos, o Tezuka maduro utilizou uma quadrinização fora padrão, para a sua ṕoeca, frequentemente apresentando requadros em variados formatos, e não somente no formato quadrado; esse elemento se tornou, posteriormente, uma característica básica nos mangás. Já Kurosawa apresenta uma mise-en-scène sofisticada, que é característica de mestres do cinema japonês clássico, como Ozu e Mizoguchi, mas com um ritmo muito próprio, que é alcançado por uma montagem igualmente eficiente, se distanciado dos...

Ler Mais

Mostra CineBH inicia nesta terça-feira com pré-estreia nacional de “A Vida Invisível”

Começa nesta terça-feira, 17, a 13ª edição da CineBH – Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte. Entre os destaques, está a pré-estreia de A Vida Invisível, de Karim Aïnouz, vencedor da mostra Un Certain Regard, no Festival de Cannes (em maio) e acaba de ser escolhido para representar o Brasil na disputa por uma vaga no Oscar 2020. O longa chega aos cinemas do país no dia 19 de setembro no Nordeste e em 31 de outubro nas demais regiões. Saiba mais sobre a Mostra CineBH A Mostra CineBH acontece até o dia 22 de setembro, com programação...

Ler Mais

Requadro: um filme e um quadrinho de ficção científica dos anos 1950

A Segunda Guerra Mundial acabou em 1945 com o lançamento de duas bombas nucleares. O acontecimento se tornou um marco da história como exemplo de como o avanço tecnológico não é, necessariamente, algo positivo para a humanidade. Nos anos seguintes uma clim de tensão tomou conta dos EUA, que chegou ao extremo devido aos acirramentos com a União Soviética. A cultura da época personificou esse ambiente, por meio da ascensão de obras que projetavam um futuro desolador e sombrio, imaginando invasões alienígenas que poderiam roubar as nossas armas ou a nossa mente. Até os trabalhos que não eram sobre...

Ler Mais

Requadro: um filme e um quadrinho influenciados por Yasujiro Ozu

Em nossa segunda coluna Requadro vamos comentar duas obras influenciadas pelo mais oriental dos cineastas, Yasujiro Ozu. Este é um dos principais nomes do cinema clássico japonês, ao lado de Kenji Mizoguchi e Akira Kurosawa. O seu cinema maduro é marcado por um tempo mais dilatado em dramas familiares que não exploram os excessos de conflitos e intrigas.  Os personagens de Ozu enfrentam seus obstáculos de forma ponderada, principalmente em relação às figuras mais velhas. Aspectos como solidão, abandono e separação são desenvolvidos como elementos inerentes e quase naturais da vida, não havendo a necessidade de desespero. Tal serenidade...

Ler Mais