Home / Colunas / #5+1 / Viagens Espaciais
Destaque

Viagens Espaciais

Por Diêgo Araújo

A exploração do desconhecido é sempre algo que desperta a nossa curiosidade. Visualizar cenários possíveis a partir de estudos científicos (ou não), em um universo de incertezas, sempre foi motivo suficiente para levar pessoas aos cinemas em busca da experiência de imersão perfeita. Existem vários filmes que já trataram a temática da exploração espacial de forma bastante eficiente, o que os colocou no patamar mais elevado do gênero ficção-científica e tornou-os verdadeiros clássicos. Como não lembrar de 2001: Uma Odisseia no Espaço, Star Wars, Blade Runner – O Caçador de Androides ou Alien, O Oitavo Passageiro?

Embora tenham abordado o tema de formas diferentes, alguns optando por recriar a realidade da forma mais convincente possível e outros não abrindo mão da criatividade em excesso, o fato é que eles marcaram história no cinema. Como a nossa seleção é baseada em seis filmes ao todo, nesse caso, serão desconsiderados os clássicos supracitados e outros sucessos mais recentes, como Star Trek, Gravidade, Prometheus e Interestelar. O motivo é simples, destaca-los aqui não seria algo realmente necessário e não traria qualquer tipo de novidade para vocês. Então, se prepara aí pra nossa listinha, expanda seu universo e tenha uma ótima viagem!

Sunshine – Alerta Solar (2007)

S-07303

A ideia é assustadora e o cenário perfeitamente possível, mas não por enquanto. Em um futuro distante, o Sol corre o risco de desaparecer e já está com a sua capacidade de transmitir energia bastante reduzida, o que põe em risco a vida na Terra. Depois de uma expedição sem sucesso na tentativa de sanar o problema, uma nova equipe composta por oito cientistas, das mais variadas áreas, é enviada para tentar recuperar a potência máxima de nossa estrela maior com o uso de bombas atômicas. O grande risco da viagem não é o Sol em si, mas sim o psicológico e emocional dos tripulantes, que coloca toda a operação em risco. Com cenas bem construídas, ótimo uso da computação gráfica, um enredo ambientado em uma realidade possível e ótimas atuações, Sunshine – Alerta Solar é um filme que merece entrar no seu guia de viagem.

 

Serenity – A Luta Pelo Amanhã (2005)

Serenity

A trama se passa 500 anos no futuro. Aqui, não há limites para a ação, explosões, manobras radicais e situações impossíveis de ocorrerem, pelo menos em nossa época. Serenity é uma nave composta por mercenários que carrega todo tipo de material. A equipe se mete em uma verdadeira confusão após aceitar o transporte de dois irmãos. Logo, eles percebem que o universo inteiro estará em seu encalço. Porém, como bons encrenqueiros, eles não se renderão facilmente. Lançado em 2005, o longa foi bem aceito pela crítica e o público em geral. A decepção, no entanto, ficou por conta de uma possível sequência que até o momento não saiu. Mas a experiência é válida e a diversão, garantida.

 

Europa Report – Viagem à Lua de Júpiter (2013)

Europa Report

A premissa do filme é bastante válida e interessante. De acordo com relatos da própria NASA, uma possível expedição à lua Europa, de Júpiter, pode ser enviada em um projeto futuro, visto que há grandes chances de o satélite abrigar alguma forma de vida sob a sua densa camada superficial de gelo. A missão da equipe de Europa Report é justamente essa. Assim como ocorre em quase todos os filmes dramáticos que envolvem exploração espacial, o grande risco está na tomada de decisões equivocadas e na fraqueza emocional dos tripulantes. Nesse caso, não é diferente. O longa se mantém empolgante durante toda a execução, mas nos minutos finais, dá alguns deslizes. Ainda assim, o produto geral é muito eficiente e nos proporciona uma ótima experiência. Sem contar que na produção estavam envolvidos cientistas da própria NASA. Tudo isso para tornar o trabalho o mais realista possível.

 

O Guia do Mochileiro das Galáxias (2005)

S-07303

Muita insanidade e humor são as características mais marcantes de O Guia do Mochileiro das Galáxias. Ambientado na obra literária de mesmo nome do escritor Douglas Adams, essa turminha vai lhe garantir muitas gargalhadas e, claro, uma excelente viagem ao redor do universo. Decididamente indispensável para os adoradores da ficção científica. Difícil vai ser você não sair correndo para comprar o livro depois.

 

Wall-E (2008)

wall-e-screenshot-4

Wall-E é, sem sombra de dúvidas, uma das melhores animações já produzidas. Ambientado em uma problemática atual, o filme retrata como estará o nosso planeta daqui a alguns séculos, caso continuemos a explorar os seus recursos de forma indiscriminada. A humanidade, depois de destruir o nosso planeta, passa a viver em uma nave espacial orbitando a Terra. Robôs são enviados para limpar a nossa sujeira e o encantador Wall-E é o último deles. Tudo muda na vida do robozinho após ele conhecer Eva, uma máquina bastante moderna. A partir daí, inicia-se a divertida e engenhosa viagem do nosso adorado companheiro.

FILME ALÉM DOS CLICHÊS…

Viagem à Lua (1902)

Viagem à Lua

Você pode estar se perguntando: “espera, o que esse filme faz aqui quando na lista não entrariam clássicos?”. O fato é que muitas pessoas ainda desconhecem ou podem até já ter ouvido falar, mas ainda não viram Viagem à Lua, de Georges Méliès. A obra, de 13 minutos de duração, é mundialmente conhecida como o primeiro filme de ficção e o primeiro a tratar de seres alienígenas. Incrivelmente bela, a primeira versão do filme foi gravada em preto e branco, mas a película foi totalmente colorida a mão, quadro a quadro, por meio de uma técnica conhecida como ‘pintura sobre película’. Impossível não querer embarcar nessa linda e nostálgica viagem.

Sobre Diêgo

Engenheiro agrônomo e mestrando em Engenharia Agrícola, desde criança nutre um amor incondicional por livros, filmes e seriados dos mais variados gêneros, mas sempre foi atraído por obras de suspense, terror, ficção científica e drama. Fã dos filmes de Peter Jackson, Tarantino, David Fincher e Guillermo del Toro, tem como atores preferidos Charlize Theron e Michael Fassbender.
Comentários