Autor: Felippe Gofferman

Sobre

Felippe Gofferman

Aspirante a Diretor, roteirista e eterno estudante de cinema, é amante da sala escura e tem o Maracanã como uma segunda casa. Tiete de Woody Allen, Kurosawa, Scorsese e Chan-Wook Park, mantém uma eterna dívida com Walter Salles por ter sido apresentado à música de Jorge Drexler através de “Diários de Motocicleta” (2004).

Abbas Kiarostami e o real além-tela

O cinema de Abbas Kiarostami, o mais reverenciado entre os diretores iranianos, é um passeio entre a realidade, a ficção e o próprio fazer cinematográfico. Uma autorreflexão que coloca em tela não apenas o próprio diretor, mas também a nossa fé no processo de storytelling e na separação entre realidade e ficção. As características desse cinema, que não se acanha ao abusar da metalinguagem, passam diretamente pela visão de mundo de Kiarostami, que percebe o quadro como uma possibilidade não apenas de desvelar uma história diegética, mas também de estimular a nossa visão do além-tela. Para o diretor, o...

Ler Mais